A Demonização da Cannabis

Esse filme surpreendente explica o interesse ambiental na variedade do cânhamo como uma versátil fibra industrial, e não como droga, documentando a história de sua proibição. Com o auxílio de anos de pesquisas mundo afora, A Demonização da Cannabis expõe as manipulações políticas e industriais que proibiram uma das mais valiosas plantas da história. O cânhamo já forneceu o papel no qual as notas de banco dos Estados Unidos eram impressas, o algodão do jeans original da Levi´s e também as velas e cordas dos navios. Durante a Segunda Guerra Mundial, era de uma importância tão estratégica, que o Governo dos Estados Unidos encorajou fazendeiros a aderirem ao cultivo do cânhamo. A Demonização da Cannabis mostra como esta variedade do cânhamo vem sendo pesquisada e cultivada internacionalmente, devido às qualidades versáteis da planta e ao fato de não ser nociva ao meio ambiente. Este programa leva a audiência a uma viagem pelo mundo: da Austrália ao Reino Unido e da Holanda aos Estados Unidos. Ele mostra como o cânhamo está sendo cultivado como uma fibra industrial para ser usada como uma alternativa à madeira para produção de papel, ao algodão para roupas e ao compensado para construções. Todos se beneficiam, especialmente as florestas e o solo.

A História da maconha – History Channel

Conhecimento é poder!
O documentário produzido e transmitido pelo History Channel, mostra os primórdios da proibição da Cannabis ao redor do mundo, assim como, as propriedades medicinais que anos foram ignoradas e hoje já atingem um mercado legal.

Baseado em fatos raciais

Combustível para o jazz e o hip-hop, ela foi também o estopim de uma guerra contra as drogas baseada na injustiça racial. Este documentário analisa a complexa relação dos EUA com a maconha.

Cannabis Rising – The Key in the Lock

Documentário obrigatório para qualquer entusiasta da cultura da cannabis. Versa sobre o óleo de cannabis e sua interação com o nosso sistema endocanabinóide usado como um medicamento verdadeiramente eficaz na luta contra o câncer, esclerose múltipla, diabetes, parkinson, etc.

Cortina de Fumaça

O documentário “Cortina de Fumaça”, de Rodrigo Mac Niven, procura, através de entrevistas com diversas pessoas relacionadas ao tema “drogas”, mostrar as inúmeras falhas do sistema repressor vigente. Mac Niven ouve acadêmicos,  

Leia mais...  Roda Verde debate a importância das associações de pacientes no Brasil

delegados e, até mesmo, produtores de maconha, para comprovar sua tese de que a criminalização das drogas não é capaz de diminuir o problema, mas sim, agravá-lo.

Uma das primeiras constatações feitas no documentário é a de que nunca existiu, e jamais existirá, uma sociedade plenamente livre das drogas. Questiona-se, então, como algumas dessas substâncias, recorrentes em toda a história humana, tornaram-se criminalizadas e como foi feita a classificação entre o que seria permitido e o que seria proibido.

Drauzio Dichava

A serie foi lançada no Canal do Drauzio Varella “Drauzio Dichava”. Nela, o médico, cientista e escritor abre o debate sobre o uso recreativo da maconha.

A série “Drauzio Dichava” fala sobre uso adulto — antes conhecido como uso recreativo — da cannabis em diversos âmbitos, desde a história do uso da planta até o impacto da guerra às drogas sobre uma parcela específica da população: os pretos e pobres.

Estado de Proibição

Idealizado pela Plataforma Brasileira de Política de Drogas, o filme traz a história de mulheres que desafiam a lei brasileira para cultivar maconha para o tratamento de seus filhos, assim como mulheres que perderam seus filhos pela violência – sobretudo a de Estado – associada à proibição das drogas.

O curta busca elucidar os efeitos da política de guerra às drogas no Brasil. Se, por um lado, entende-se que o uso medicinal da maconha deve ser autorizado, por outro lado, os efeitos da proibição nas periferias – crime e violência policial – ainda estão longe de serem compreendidos. Assim, trava-se um diálogo entre os usos sociais e medicinais da droga, e como a proibição afeta os dois campos.

Grass

Um documentário expressivo e divertido sobre a história da maconha nos Estados Unidos no século 20. Com uma linguagem moderna, o filme conta a história secreta da proibição da maconha, mostrando os interesses políticos e econômicos por trás dela. “Grass” se baseou numa imensa pesquisa histórica e traz imagens surpreendentes de antigas campanhas publicitárias anti-drogas. Foi eleito como o melhor documentário de 2000 pela Academia Canadense de Cinema e TV.

Leia mais...  Liberação de produtos à base de maconha deve diminuir custos para tratamento de doenças

Ilegal: A Vida não Espera

Raphael Erichsen e Tarso Araújo enchem seu filme de um conteúdo bastante informativo, de forma a fazer com que a plateia perceba a importância do uso

da cannabis medicinal. Porém, o grande papel de “Ilegal: A Vida Não Espera” é o de iniciar a discussão sobre um tema que tem penetração difícil. A maconha é proibida no Brasil; para se importar ela para uso medicinal é necessário fazer uma solicitação à Anvisa, devidamente protocolada por um médico; mas qual o profissional de Medicina que irá receitar um remédio proibido para seu paciente, correndo o risco de ter seu registro médico cassado? É muito complicado, e essa é somente a ponta de um iceberg que ainda envolve os interesses das grandes empresas farmacêuticas, que não lucrariam com um remédio que não possui patente, como o canabidiol.

Maconha Medicinal: Cura ou Crime

O filme tem o objetivo de alertar que a maconha medicinal tem o potencial de salvar vidas, mas a legislação existente proíbe que milhões de americanos experimentem os benefícios da cannabis, que mudam a vida como um tratamento contra o câncer.

Ao longo de 94 minutos de duração, a história acompanha a vida de famílias com crianças diagnosticadas com câncer. Algumas das crianças usam cannabis em conjunto com tratamentos como quimioterapia, enquanto outras recorrem à substância depois que tratamentos convencionais falharam. O filme traz histórias de sofrimento e superação, cenas e debates com os pais sobre a falta de pesquisas relacionando a planta com o combate da doença, além de depoimentos e arquivos médicos pessoais de crianças que passaram pelo tratamento.

Quebrando o Tabu

Quebrando o Tabu é um filme brasileiro sobre a temática do combate às drogas, dirigido por Fernando Grostein Andrade com a participação em depoimentos de personalidades como Fernando Henrique Cardoso, Paulo Coelho e Dráuzio Varella. Também foram colhidos depoimentos de Bill Clinton e Jimmy Carter.

Na década de 70 os Estados Unidos fizeram o planeta declarar guerra às drogas, numa tentativa de obter um mundo livre de drogas. Mas os danos causados por elas nas pessoas e na sociedade só aumentaram. Com várias personalidades como Fernando Henrique Cardoso, o filme sai ao encontro de soluções, princípios e conclusões, mantendo o foco das discussões em torno da descriminalização das drogas. Bill Clinton, Jimmy Carter e ex-chefes de Estado, como da Colômbia, do México e da Suíça, mostram o motivo de suas opiniões. É capturado o relato de pessoas comuns, que tiveram suas vidas atingidas pela Guerra às Drogas, até experiências de Drauzio Varella, Paulo Coelho e Gael Garcia Bernal.

Leia mais...  29/05 - LIVE DE ANIVERSÁRIO DE 1 ANO DO PROJETO MÃES E MULHERES JARDINEIRAS

Run From the Cure – Rick Simpson

Documentário feito com vários depoimentos de pessoas que se trataram e se

curaram de doenças graves, como o câncer de pele, através do óleo de maconha produzido artesanalmente por Rick Simpson. Esse documentário é um registro muito importante da força das propriedades medicinais da maconha, vale muito a pena ser assistido, é emocionante ver a felicidade das pessoas.

The Scientist

“O Cientista” é um documentário que traça a história do candidato ao prêmio Nobel Dr. Mechoulam desde o começo de sua carreira… como uma criança do Holocausto na Bulgária, através de sua imigração á Israel, e sua carreira como o principal pesquisador na química e biologia da planta mais incompreendida do mundo. Dr. Mechoulam descobriu que o THC interage com o maior sistema de receptores do corpo humano, o sistema endocannabinoide (ECS).

Weed: A CNN Special Report by Dr. Snanjay Gupta

O Dr. Sanjay Gupta lutava ferozmente contra a legalização da Maconha nos EUA. Era um dos principais porta-vozes da proibição por lá. Até ele resolver pesquisar um pouco mais sobre o assunto. Resultado, mudou de ideia (como qualquer pessoa com um mínimo de bom senso e um pouco de leitura) e ainda pediu desculpas por ter defendido a proibição por tanto tempo. Fez este documentário com a CNN que foi transmitido em horário nobre nos EUA.